O professor doutor Fernando Ramos foi o primeiro neuropediatra em São Luís. Ano 1977. Escolheu atender crianças com necessidades especiais quando na capital maranhense não havia tomógrafo ou ressonância magnética. Foi buscar conhecimento fora do Estado, pois sabia desde o início o caminho a seguir. Enfrentou problemas sérios nos seus pacientes infantis, como os paralisados cerebrais, mas afirma que sempre enxergou essas doenças como revertidas, mesmo nos casos com po